Colaboradores do CHC e UPA’s aprimoram assistência para

Buscando aprimorar a assistência à saúde e dar mais segurança aos profissionais da saúde, neste período de pandemia, colaboradores do Complexo Hospitalar de Contagem (CHC) participaram, na última quarta-feira (28/05), da capacitação: Abordagem de vias aéreas, intubação, PCR e ventilação mecânica, no contexto da Covid-19.
A aula com duração de 50 minutos, ministrada pela enfermeira emergencista do Pronto Socorro do Hospital das Clínicas de Minas Gerais, Luiza Werneck, abordou procedimentos já de conhecimento e da rotina das unidades de urgência e emergência de saúde, no entanto, com uso equipamentos de proteção individual (EPI) a mais dos que já utilizados e adaptações visando diminuir o risco de contaminação da equipe. A enfermeira também apresenta algumas manobras que melhorem a atuação do profissional afim de resguardar sua saúde.
“Sabemos que a transmissão do coronavírus pode ocorrer por meio de gotículas expelidas por um paciente contaminado e, com isso, embasado em protocolos de várias entidades de saúde melhoramos algumas práticas assistências para que haja mais segurança ao profissional,” completou a enfermeira Luiza. Rosinara Viana, enfermeira do Pronto Socorro, achou muito importante as orientações e ficou mais tranquila em saber que pode adequar o atendimento. “É muito bom sabermos que sempre é possível melhorar nosso trabalho e essencial que tenhamos este conhecimento para que no dia a dia possamos fazer um procedimento seguro,” comentou.  No CHC e nas UPA’s o treinamento contemplou quatro turmas nas datas em que ocorreram. Na próxima semana, aula estará disponível online, na plataforma de ensino a distância (EAD) da rede de saúde para os demais trabalhadores que tiverem interesse no conteúdo.  A enfermeira destaca ainda: “É fundamental que o colaborador tenha consciência da atividade que vai desempenhar, saiba manejar os materiais, use corretamente os EPIs e realize a paramentação. É bom também conhecer a realidade e a disponibilidades dos insumos nas unidades para que não seja surpreendido durante o procedimento”.