Noticia

HEMNSL CELEBRA O ENCERRAMENTO DA 108ª EDIÇÃO DO CURSO GESTAR VIDA

Com espírito de fé e amor, a celebração contou com benção, oração, depoimento e canto 

O Hospital Estadual e Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (HEMNSL) realizou, na terça-feira, 20 de dezembro, o encerramento da 108ª edição do curso Gestar Vidas, que orienta gestantes  e familiares sobre assuntos relacionados à maternidade.

A diretora operacional da maternidade, Ana Maria Caribé, fez a abertura do evento, agradecendo a presença das mães que puderam comparecer, destacou a importância do curso na vida das futuras mamães e elogiou a equipe multidisciplinar da unidade. “Quero dizer que é uma alegria imensa recebê-las. Eu também participei de um grupo de gestantes na época que estava grávida e sei que este momento é muito especial na vida da mulher. Participar de um grupo como este nos proporciona fortalecimento e apoio. E aqui na nossa unidade, vocês podem contar com uma equipe de excelência, comprometida com o bem-estar de vocês e sempre pronta para atendê-las”, destacou a diretora, que desejou a todas  um momento feliz na hora do parto.

Promovido pela equipe do Serviço Social, Psicologia e Capelania Hospitalar da unidade, o curso desta edição contou com 26 participantes, totalmente on-line, devido à pandemia. 

O capelão Rafael Magul proferiu palavras de fé, amor e carinho. Destacou o amor de mãe, que esquece de cuidar de si mesma para cuidar dos filhos. Fez uma oração e destacou que as gestantes fazem parte da família da Maternidade Nossa Senhora de Lourdes. “Aqui existe uma família que ama a todos vocês e se reinventa para lhes dar o melhor, pois seus filhos também são nossos filhos”, disse o capelão, que fez questão de destacar que o mundo precisa hoje de amor, de coração de mãe.

Para coroar a celebração, as gestantes receberam um kit de enxoval doado pelo grupo “Mãos Generosas”, formado por mulheres que desenvolvem um importante trabalho social. O Pe. Rafael é o responsável em receber essas doações e repassá-las à maternidade. Cada kit contém roupinhas, fraldas de pano e descartáveis, produtos de higiene, mantas e outros mimos carinhosamente preparados pelo grupo. Também houve sorteio de alguns mimos doados pela colaboradora Olga Suely.

A assistente social Lourdes Maria, uma das organizadoras do projeto, destacou que a função do Gestar Vidas é acolher e dar amor. “Nosso intuito é proporcionar às participantes uma gravidez tranquila e segura. E nós do Serviço Social somos movidas por amor”, salientou a coordenadora do Serviço Social.

Agradecimentos

Estou com 38 anos e tudo que eu mais queria era ser mãe. Minha vida foi um turbilhão e hoje me sinto abençoada. Estou vivendo um verdadeiro milagre! Sou grata a Deus e a cada pessoa dessa maternidade que me acolheu”, disse Lanucy da Silva, que espera seu bebê para janeiro.

Em agradecimento pelas orientações recebidas, Fagnólia Souza, grávida de 7 meses, em sua 3ª gravidez,  cantou a música “Pedacinho Meu”, que fala do amor de mãe.

Deixe uma resposta